Bem vindo!

古池や蛙飛びこむ水のをと  芭蕉

furu ike ya kawazu tobikomu mizu no oto

O velho lago ...
O ruído do salto
Da rã na água.

Bashô

"O tanque é velho, em um velho jardim. As árvores são velhas de outras eras e seus troncos esverdeados pelo mesmo musgo que cobre as pedras. O grande silêncio remonta a eras anteriores ao homem e seus ruídos. Uma rã salta. O jardim inteiro, o universo inteiro contido em um simples chape -- som que está além do som e do silêncio, e ainda assim é o som da água do velho tanque".

R. H. Blyth, Haiku.

terça-feira, 5 de janeiro de 2016

Na sala escura
o relâmpago revela
orquídea florida

Suzana Lyra Strapasson

terça-feira, 13 de outubro de 2015

Como um diadema
Multidões de estrelas adornam
A lua desta noite!

Suzana Lyra Strapasson

quinta-feira, 25 de julho de 2013

Como samurais
bambus dobram-se ao vento –
orvalho vernal

Suzana Lyra Strapasson
Velho hoteleiro
telhados de ardósia
acolhem cegonhas

Suzana Lyra Strapasson
Aldeia da serra -
orquestra de cigarras
embalam a tarde

Suzana Lyra Strapasson
nesta primavera
adocicadas pitangas–
sabiás em festa

Suzana Lyra Strapasson
Montes distantes,
à noite a chuva goteja -
insônia desperta.

Suzana Lyra Strapasson